top of page
Buscar
  • luhaugg

Balneário Camboriú tem 34 eventos prospectados até 2027 no Expocentro



O turismo de eventos era um sonho antigo dos empresários ligados ao turismo de Balneário Camboriú. Pelo menos desde a década de 90 a necessidade da criação de um Centro de Eventos era discutida. Hoje, isso é realidade: com o Expocentro Balneário Camboriú Júlio Tedesco em plena atividade, somente em 2022 o empreendimento recebeu 45 eventos e mais de 500 mil visitantes. Até 2027, há 34 eventos prospectados, o que movimenta toda a cadeia econômica da cidade, são cerca de 52 segmentos impactados com o turismo de negócios, como meios de hospedagem, comércios, bares e restaurantes e prestadores de serviços (como fotógrafos e videomakers, imprensa, organizadores de eventos, equipe de limpeza e montagem de estrutura, etc.).


Turismo de eventos: trade destaca importância do segmento

Uma das entidades que acompanha a luta pela abertura do Expocentro e que possui como principal objetivo a captação de eventos é o Balneário Camboriú Convention & Visitors Bureau. A presidente do BC Convention, Andrezza Negrini, salienta que o empreendimento é de grande importância para a cidade e para o turismo, já que no Brasil, o setor de eventos cresce aproximadamente 10% ao ano, e representa mais de 4% do PIB – um levantamento feito pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) estima que o setor movimenta R$ 300 bilhões, com mais de 6 milhões de profissionais envolvidos e 310 mil empresas atuando no ramo. "Quando paramos para analisar que a maioria das pessoas viaja nas férias escolares, em julho ou no verão, o turismo de negócios e eventos é uma oportunidade para termos turismo em Balneário Camboriú o ano todo, que é o que defendemos com o projeto BC 4 Estações, pois nossa cidade possui estrutura e atrativos para ser visitada durante todo o ano. O Expocentro vem para realizar esse grande sonho, e já mostra a que veio, recebendo mais de 500 mil pessoas somente neste ano de 2022, e temos certeza de que os números só vão crescer", disse.

A vice-presidente de Captação de Eventos do BC Convention, Margot Rosenbrock Libório, salienta que o turismo de eventos sempre foi muito importante para a região e que o trade percebia que, quando vários eventos aconteciam ao mesmo tempo, a cidade tinha um incremento na demanda. "Com a inauguração do Expocentro Júlio Tedesco as possibilidades em relação à captação de eventos se ampliaram e o foco é trabalhar para projetar o destino como lugar ideal para os vários tipos de eventos, sejam esportivos, associativos, congressos, feiras ou exposições, eventos pequenos, médios ou grandes. O importante é que eles aconteçam em Balneário Camboriú", afirmou.

O secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico de Balneário Camboriú, Thiago Velasques, também destacou a abertura do Expocentro, que foi muito aguardada pelo trade de Balneário e região durante muitos anos. "Já temos sentido a mudança principalmente nos números da rede hoteleira. O público MICE vai movimentar a cidade e diminuir a sazonalidade durante o ano, fora a criação de empregos diretos e indiretos, que aumenta conforme o crescimento da agenda do Expocentro. Aí entra o trabalho da Secretaria de Turismo e BC Convention, posicionando Balneário Camboriú como destino de negócios. Temos o nosso posicionamento quanto destino turístico Sol e Mar, somos também um destino repleto de atrativos turísticos e agora também temos a oportunidade de nos tornar uma cidade focada nesse público MICE, uma vez que temos um dos melhores Centro de Eventos do Brasil, em uma cidade com uma mobilidade muito interessante, que é segura, limpa, e possui uma praia a 10 minutos do Expocentro", disse.

Velasques aponta que o turista de negócios pode trazer a família para aproveitar a cidade - sua gastronomia, comércio, atrativos, unindo lazer e negócios. "Podem sentir e viver a experiência Balneário Camboriú, temos essa vantagem frente aos outros destinos, e o mercado está aquecido porque a demanda aumentou. Realmente é algo muito importante para a cidade, termos cada vez mais eventos, sejam eles feiras, eventos, congressos, shows, dentro do Expocentro", acrescentou.


Expocentro Júlio Tedesco já tem mais 30 de eventos captados para os próximos anos

Em 2022, o Expocentro Balneário Camboriú Júlio Tedesco sediou 45 eventos, recebendo mais de 500 mil pessoas. Em 2023, estima-se um crescimento de 10 a 15% para o próximo ano. Há 34 eventos fechados para os próximos anos (19 em 2023, 20 em 2024, 12 em 2025, nove em 2026 e seis em 2027). O gestor do Expocentro, Djalma Berger, salientou que o empreendimento é o melhor equipamento para feiras, congressos, shows que há no Brasil. "A arquitetura é arrojada e futurista e está revolucionando o mercado de eventos em Santa Catarina e do Brasil. Em pouco tempo o Expocentro consolidou o segmento Mice. É nítido o incremento na economia local, em hotéis, bares, restaurantes e comércio em geral. Um equipamento tão esperado por todos e que podemos dizer que já deu certo. A comunidade já sente a valorização do entorno, além disso, a abertura do Expocentro proporcionou a formação de novos negócios, o que nos deixa ainda mais felizes. Temos muito a crescer e colaborar com a cidade e comunidade", comentou.

Segundo a gerente comercial do Expocentro, Cris Fabbris, havia uma demanda reprimida muito grande de eventos em 2022, e partir de 2023 o trabalho será muito mais ativo. “A partir do ano que vem faremos uma prospecção no mercado externo de forma muito mais ostensiva. Buscando trazer um gama de de eventos diferenciados, intensificando nosso trabalho na célula de congressos, pois as feiras já estão muito bem consolidadas. Nossa agenda de viagens para prospecção será bem extensa tanto no Brasil quanto no Mercosul, focando muito no segmento MICE. Estimamos dobrar o número de eventos em 2023, mas para isto precisamos unir forças, só com a colaboração do poder público com a iniciativa privada conseguiremos consolidar o destino como um lugar para eventos de negócios”, ressalta Cris.


O que dizem organizadores de eventos que vão acontecer no Expocentro

A Associação Catarinense de Supermercados (Acats) decidiu pelo Expocentro Balneário Camboriú Júlio Tedesco como a nova sede do evento em 2023. O presidente da entidade, Francisco Crestani, explica que, para tomar suas decisões em relação aos eventos, a diretoria sempre leva em consideração as aspirações de seus parceiros, as empresas expositoras. "O sucesso da feira está ligado ao sucesso dos negócios fechados no evento, logo, a voz dos expositores tem muita força nas definições de formato do evento. A ExpoSuper está com demanda de crescimento e a ACATS está atenta a este novo cenário. O que nos trouxe a Balneário Camboriú é um conjunto de fatores que se casa perfeitamente com o que a cidade oferece em termos de atratividade para o turismo de eventos e de negócios. Acima, de tudo, a ExpoSuper está vindo para Balneário Camboriú pela sua necessidade de continuar a crescer e a gerar satisfação, retorno e bons resultados para o nosso principal público-alvo, as empresas expositoras", salientou.

Na prática, a planta de exposição de 2023 representará um acréscimo de cerca de 20%, significando cerca de 70 novos estandes ao número anteriormente utilizado até a edição deste ano. Serão 9,2 mil metros quadrados de área de feira.

Outro evento que já aconteceu em Balneário Camboriú e seguirá sendo realizado na cidade é a Fenin Fashion. O diretor da Expovest, realizadora da feira, Julio Viana, apontou que sempre faz duas edições da Fenin Fashion, uma de inverno que acontece em Gramado e uma de verão que nos últimos anos foi em São Paulo. "E agora trouxemos para Balneário Camboriú. Além do Expocentro ser um espaço ideal para receber grandes eventos, a cidade tem uma ótima infraestrutura com hotéis, restaurantes e um comércio excelente, e ainda vale salientar, a localização geográfica, Balneário Camboriú fica próxima de 3 grandes aeroportos e tem uma rodovia duplicada, o que a torna um dos melhores destinos para o turismo de eventos e negócios”, ressaltou.

Já o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Balneário Camboriú, Vilton João dos Santos, comemorou recentemente que conseguiu trazer para Balneário Camboriú a 57ª Convenção Nacional do Comércio Lojista, que acontecerá em setembro de 2024. O evento projeta reunir em torno de 5 mil dirigentes e empresários de todo o Brasil no Expocentro. A cidade catarinense concorreu com destinos consolidados na captação de eventos, como Rio de Janeiro e Caldas Novas, que também estavam na disputa para sediar a convenção. "Toda a estrutura turística e de um espaço como o Expocentro foram fundamentais para a escolha de Balneário Camboriú como sede da convenção de 2024”, pontuou Vilton.

90 visualizações0 comentário
bottom of page